Postagens mais visitadas

sexta-feira, 28 de junho de 2019

DEM terá candidato a sucessão municipal em Pato Branco..







O presidente do DEM de Pato Branco João  Mioto e integrantes  desta agremiação partidária Dr Ivanio Guerra,  Dr Motizuki, nos informaram a este Blog, que estão embuidos de ampliar os quadros partidários e que o partido terá candidato a  sucessão municipal em 2020, com chapa pura de candidatos a vereador competitiva, nos aguardem. #joaresbrasil








terça-feira, 25 de junho de 2019

Novos fatos esta para acontecer. #eleições2020


Novos fatos políticos vem acontecendo no bastidores da politica,  de forma rápida, tais fatos e conjecturas  podem influenciar nas candidaturas a disputa pela prefeitura no ano que vem, eleições 2020, com fatos bombásticos que podem alterar significativamente ao que está posto neste momento, com possibilidades de novos nomes venham para a disputa e que abalará grupos políticos patobranquense. vamos aguardar os acontecimentos. #joaresbrasil

terça-feira, 18 de junho de 2019

CCJ convida Dallagnol a explicar troca de mensagens com Moro



Foi aprovado nesta terça feira  (18) na  Comissão de Constituição e Justiça, CCJ do Senado  requerimento de convite ao procurador Deltan Dallagnol para que preste esclarecimentos sobre as trocas de mensagens com o então juiz e atual ministro da justiça e segurança publica, Sérgio Moro durante a operação Lava-Jato.
Pedido feito pelo senador Angelo Coronel (PSD-BA) para apurar a suposta e indevida coordenação de esforços na operação Lava Jato. Data a ser devidamente marcada. 
De Acordo com o Senador o teor  da troca de mensagens indica desvirtuamento das funções do procurador. E indicam que o então juiz Moro, extrapolou funções  e desrespeitou deveres da magistratura. (Foto Geraldo Magela /Agência Senado.) #joaresbrasil

sábado, 15 de junho de 2019

Fernando Giacobo, traz recursos a Pato Branco.

Deputado Federal Fernando Giacobo, visitando Pato Branco,  onde foi um dos deputados  federais mais votados, entregando recursos na ordem de 12. milhões sendo 5 milhões para Arena Esportiva e 7 milhões para a saúde, contratar mais médicos, auxiliando na compra de equipamentos remédios, e cirurgias, para sua cidade natal.
Entregando ao vice prefeito Robson Cantu (PSD) e aos vereadores Claudemir Zanco Biruba (PDT), Joecir Bernardi (SD),  Fabrício Preis de Mello (PSD), Januário Koslinki (PSDB), Marcos Antonio Augusto Pozza (PSD) e  amigos,  colocando-se a disposição de todos os patobranquenses. #joaresbrasil

quinta-feira, 13 de junho de 2019

Frase célebre, do Ex presidente.





Ex presidente Fernando Henrique Cardoso disse "A economia continua patinando. Governo sem mão firme. O Povo paga pelas incertezas com falta de renda e emprego. É hora de juízo. Falta grandeza, sobram mesquinharias."   #joaresbrasil

segunda-feira, 10 de junho de 2019

O site The Intercept publica conversas privadas de Moro, Dallagnol e demais procuradores.


Resultado de imagem para moro e dallagnol



 O site The Intercept Brasil publicou  três matérias com o suposto conteúdo de chats privados de integrantes da força-tarefa da Lava Jato e diálogos do então juiz Sergio Moro com procurador Deltan Dallagnol. Informações de  O Antagonista.
A publicação divulgou, por exemplo, trocas de mensagens de Dallagnol com procuradores num grupo de bate-papo, dias antes de apresentar a denúncia contra Lula no caso do triplex. O coordenador da Lava Jato mostrava preocupação com fundamentação da acusação e posterior a repercussão do caso.
“Falarão que estamos acusando com base em notícia de jornal e indícios frágeis… então é um item que é bom que esteja bem amarrado. Fora esse item, até agora tenho receio da ligação entre Petrobras e o enriquecimento, e depois que me falaram to com receio da história do apto… São pontos em que temos que ter as respostas ajustadas e na ponta da língua.”
Em outro trecho vazado, Dallagnol comenta com satisfação o item 191 da denúncia, que reproduz matéria do Globo, de 2010, que já atribuía o triplex a Lula: “tesão demais essa matéria do O GLOBO de 2010. Vou dar um beijo em quem de Vcs achou isso.”
Há também trocas de mensagens entre Dallagnol e Moro, então juiz da 13ª Vara Federal no Paraná. Numa mensagem, o procurador reclama das críticas da imprensa por causa da denúncia, ao que Moro responde: “Definitivamente, as críticas à exposição de vcs são desproporcionais. Siga firme.”
Outra troca de mensagens vazada ao Intercept trata da reação dos procuradores da Lava Jato ao pedido da Folha para entrevistar Lula na cadeia em plena campanha eleitoral.
A procuradora Laura Tessler se mostra revoltada com o que chama de “piada”. “Lá vai o cara fazer palanque na cadeia. Um verdadeiro circo.” Uma outra procuradora, Isabel Groba, responde: “Mafiosos!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!”
Há mensagens que mostram também a preocupação de procuradores com a eleição de Fernando Haddad.
O site ‘The Intercept’ reproduz ainda diálogos entre Moro e Dallagnol, dando a entender que houve interferência do juiz na investigação, por meio de sugestões e críticas. Uma das conversas ocorreu depois da decisão do STF de soltar Alexandrino Alencar, então diretor de relações institucionais da Odebrecht.
“Caro, STF soltou Alexandrino. Estamos com outra denúncia a ponto de sair, e pediremos prisão com base em fundamentos adicionais na cota. […] Seria possível apreciar hoje?”, escreveu Dallagnol. Moro respondeu: “Não creio que conseguiria ver hj. Mas pensem bem se é uma boa ideia.”
Em seguida, o coordenador da Lava Jato comunicou aos colegas a posição do juiz, a quem se referia como “russo”. Em outra mensagem, um mês depois, Sergio Moro questiona Dallagnol sobre a iniciativa de recorrer das condenações de colaboradores. Enquanto o procurador tenta impedir a execução da pena, o magistrado pensava o oposto.
Em outra mensagem a Dallagnol, em 21 de fevereiro de 2016, Moro sugere inverter a ordem de duas operações que estavam planejadas pelo MPF. O procurador respondeu que haveria problemas logísticos para acatar a sugestão.
Segundo o ‘The Intercept’, as conversas privadas entre procuradores e juiz fazem parte de um lote de arquivos “enviados por uma fonte anônima há algumas semanas”.
Na semana passada, O Antagonista revelou que procuradores da Lava Jato, juízes, desembargadores, ativistas de direita e jornalistas foram alvos de ataques cibernéticos nos últimos meses. A PF está investigando o fato. #joaresbrasil

Vice Presidente do Tribunal de Justiça é homenageado pelo Legislativo.




O legislativo de Pato Branco, homenageou o Desembargador DR Wellington Emanuel Coimbra de Moura,  titulo proposto pelo vereador Marco Antonio Augusto Pozza(PSD).
O evento contou com a presença da diretora do Fórum de Pato Branco, juíza Franciele Estela Albergoni de  Souza Vairich, do vereador Claudemir Zanco, Biruba (PDT), que representou o Poder Legislativo, vereador Fabricio Preis de Mello (PSD), vice-prefeito, Robson Cantu (PSD), presidente da Ordem dos Advogados do Brasil-Subseção, Jânio Santos de Figueiredo, e do coordenador do Núcleo de Práticas Jurídicas da Faculdade Mater Dei, Andrey Herget, ainda, a presença de lideranças comunitárias, advogados  e acadêmicos do curso de direito da Faculdade Mater Dei.#joaresbrasil

sexta-feira, 7 de junho de 2019

Vice presidente do Tribunal de Justiça do Paraná é homenageado.

DR Wellington Emanuel Coimbra de Moura, estará recebendo Moção de Aplauso hoje às 16. hrs no fórum da comarca de Pato Branco, por serviços prestados a sociedade patobranquense. 
Desempenhou suas atividades como Magistrado na Comarca de Pato Branco em 15/04/1994 e saiu em 10/06/1996 hoje desembargador e primeiro vice- presidente em exercício do Tribunal de Justiça do Paraná.
Homenagem que foi proposto pelo Vereador Marco Pozza (PSD) e com apoio unânime de todos os vereadores da Câmara Municipal de Pato Branco. Filho de Pierri Fidelis de Moura e Maria de Lourdes Coimbra de Moura, nasceu no dia 14 de janeiro de 1962 na cidade de Porecatu, Estado do Paraná. Formou-se em Direito pela Universidade Estadual de Londrina e, em 1990, foi aprovado em concurso público para o cargo de Juiz Substituto.
Iniciou sua carreira junto a Comarca de Cornélio Procópio e, posteriormente judiciou nas cidades de Marilândia do Sul, Pato Branco, Cascavel Londrina. É especialista em Direito Penal e Processo Penal pela Universidade Estadual de Londrina. Lecionou na Escola de Magistratura do Paraná (EMAP) e na Universidade do Norte do Paraná (UNP). #joaresbrasil

quinta-feira, 6 de junho de 2019

Prefeito Samuca Silva Vence Prêmio Nacional de Prefeito Empreendedor do SEBRAE




Prefeito de Volta Redonda -RJ,  Samuca Silva foi  um dos vencedores do premio Nacional de Prefeito  Empreendedor, do SEBRAE realizado em Brasilia ontem a noite dia 05, conquistou também a cidade o premio "Inclusão Produtiva e apoio ao Microempreendedor Individual" Parabenizou o SEBRAE por desenvolver projetos e ações que visam o empreendedorismo. # joaresbrasil

quarta-feira, 5 de junho de 2019

Beto Richa é novamente denunciado.






Foi denunciado no Ministério Público Federal, neste dia 05, quarta feira, o ex governador Beto Richa (PSDB) e outras seis pessoas por corrupção, lavagem de dinheiro e fraude em licitação para a realização das obras de duplicação na PR 323, rodovia que liga Maringá, norte do Paraná a Francisco Alves, no noroeste.
Esta é terceira denuncia contra o tucano no âmbito da operação Lava Jato. # joaresbrasil.